FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruno Carvalho

True Blood: Turn! Turn! Turn!

[com spoilers do episódio 5×01] True Blood retornou hoje (exibida simultaneamente no Brasil pela HBO) após a fraca 4ª temporada cheia de bruxas (ou necromantes), fantasmas, campos de força, fadas e demais seres do folclore de Charlaine Harris. Densidade dramática ou uma trama coesa, desde a 2ª temporada, pouco mais importa. É notório que o drama virou uma desculpa para o desfile de vampiros nus, gore e cliffhangers “WTF”. Iniciando no momento exato em que cada uma das inúmeras histórias paralelas deixou no ano passado, a 5ª temporada manteve a série no automático, sem introduzir de forma adequada a trama que será abordada e gastando grande parte do tempo em tela com trivialidades e conversa fiada. E nenhum personagem minimamente central morre mais.

Onde está Russel Edgington? Qual é a ameaça da tal “Autoridade”? True Blood preferiu focar em questões menores envolvendo a aborrecida matilha de Alcide (sério, para que serve esse grupinho?) ou vampiros jogando Guitar Hero com menores. Vimos Bill e Eric mais uma vez capturados, soltos, capturados de novo e por aí vai. Um dos poucos bons momentos do episódio foi a continuidade da aparição do Reverendo Steve Newlin agora convertido em um vampiro gay apaixonado por Jason (história que, se bem trabalhada, pode ser divertida), mas só. Sookie continua chata, Lafayette inútil, Jessica deslumbrante… Enfim, True Blood continua sendo True Blood; uma espécie de Game of Thrones com a mesma quantidade de personagens, mas com menos putaria, menos histórias interessantes e mais fantasia.

“Ah, mas a temporada só está começando, tem muita coisa aí pra melhorar”. Sim, tem e, como em todos os anos, ficarei aguardando. True Blood se sairia muito melhor se assumisse de vez ser uma comédia nonsense sobre vampiros caipiras.

34 respostas para “True Blood: Turn! Turn! Turn!”

  1. Joao disse:

    O problema de True Blood é que… não vale a pena assistir. Não é completamente ruim, não é completamente chato, mas é tão mal escrito e (em grande parte) mal atuado que irrita. São histórias tão bizarras e ridiculas – até se tratando de um programa sobre vampiros e seres sobrenaturais – que não dá pra saber se a série quer ser um drama sério ou uma comédia escrota. Não vale a pena nem pelo gore, até porque assistir 50 minutos de vampiros explodindo não é exatamnete o melhor programa de domingo a noite.

    Assisti o episódio e achei “meh”, chato, nada demais, como sempre. Duvido muito que vá melhorar, mas fazer o que? A audiência deve se manter ótima e com certeza teremos mais alguns anos desse show de aberrações pela frente. 

  2. Aline Xavier disse:

    Não gosta,não assiste.

  3. Aline Xavier disse:

    É super simples  :)

  4. Robson Luis disse:

    Em 2012 essa linha de “argumentação”? Esse é o trabalho do cara! Porque ao invés de escrever essas bobagens não coloca aqui motivos pelos quais vc acha que o autor tá errado? Santa idiocracia!!! 

    Parabéns pelo trabalho, 1º site que ja tá com a resenha no ar. Continuem escrevendo msm não gostando

  5. Robson Luis disse:

    Em 2012 essa linha de “argumentação”? Esse é o trabalho do cara! Porque ao invés de escrever essas bobagens não coloca aqui motivos pelos quais vc acha que o autor tá errado? Santa idiocracia!!! Parabéns pelo trabalho, 1º site que ja tá com a resenha no ar. Continuem escrevendo msm não gostando

  6. Silvana ~ disse:

    Achei legal a temporada começar de onde terminou ja q na passada teve um pulo de um ano e meio. E acho q se o bando do Marcus apareceu é pq tem motivo.Afinal é só o primeiro episodio. 
    Eu comecei a ver a série na metade da 3T pq eu amei o Russel e estou começando a ver as duas primeiras temporadas q se fala tanto como as melhores e até agora o q vejo é um série q conta uma historia sem tropeços. 
    Ah, e pra quem achou a 4Tchata por causa das bruxas aconcelho a ver novamente e se possivel com poucas pausas…as vzs esperar uma semana pra ver um episodio o torna lento e chato.

    ps: Bruno vejo sempre qdo fala mal de TB no tt …cara, se vc não é obrigado a assistir, não perca seu tempo.

    Não sei pq as pessoas falam mal de lago q nao sao obrigadas a ‘comprar’ e se elas fosse fazer de fato nao fariam melhor 

    Peace & Love

  7. Silvana, não é perda de tempo. Comentar séries, sejam elas boas ou ruins, é meu trabalho.

  8. Raquel Alves disse:

    Pude ler esse texto sem nenhum spoiler importante, ou realmente não aconteceu nada de importante ou vc que já não gosta mais da série não os viu, amanhã vejo e volto aqui pra dizer se concordo ou não com vc.

  9. MacCrow disse:

    Bingo comment: 1- vc não leu o livro 2- não tá igual ao livro 3 – ta igual ao livro 4- vamos esperar mais uns episodios 5 – a temporada das bruxas era melhor 6 – Esse blog tem muita opinião pessoal 7 – não gosta, não vê 

  10. Thais Cardoso disse:

    Né.

  11. Cristóvão disse:

    Dando um comentário raso e rápido antes de ter assitido a premiere: Acho que o BC quer levar True Blood a sério demais. Não me entendam mal, concordo com tudo que ele falou porém True Blood é e parece que sempre será nada mais que um guilty pleasure. Aliás me digam…que história de vampiro não é? Praticamente todas são melodramaticas, apelativas, exageradas, extremamente fantosiosas. Acho True Blood uma série divertida, boa de assitir, nunca levei muito a sério porque aliás se vocês não sabem a série também faz parte do genero humor negro. Enfim quem assite TB não pode esperar mais que um mero passatempo.

  12. Cakki disse:

    Eu achei a estreia morna… Mas vejo que tem tramas que prometem (se bem trabalhadas): Bill e Eric ferrados; a volta do Russel; Arlene e Terry e o amigo fuzileiro; e Jason com o Reverendo.

    Mas nada pior do que Tara virando vampira…. Afffff!!!! Eu jurando que ia me livrar desse encosto!!! A Tara não serve pra mais nada desde a segunda temporada…… Que saco!!!

  13. LadyTargaryen disse:

    Jura que vcs acham que True Blood tem menos putaria do que Game of Thrones?
    Sério, nem se compara! Para mim TB está quase lado a lado com Spartacus entre as séries mais pornográficas atualmente.

  14. Juquinha9999 disse:

    True Blood é virou uma serie sem graça… A Jessica é espetacular e sinceramente oq ainda me motiva a assistir… pq de resto nem ligo mais pro Bill pro Eric, Lafayete etc… torci pra Tara morrer, adoraria que o Lafayete morresse tbm, assim como qualquer outro personagem sem sentido de True Blood… Os que se salvam são Jason, Jessica( ahhh Jessica) e o Reverendo Gay(WTF???) 

  15. Renan disse:

    “Não gosta, não assiste” é o argumento mais ignorante dos fanzinhos de hoje….

  16. Ynara Camargo disse:

    Tomei foi um baita susto com a Tara, isso sim!

    A musiquinha no final foi 10! :)
    E, na boa, só consegui pensar que “não tem mais ninguém humano nessa série?”

    <3 Steve Newlin. A Sara morreu? Cadê ela?

    Ah, enquanto tiver Alcide, Bill e Eric estarei assistindo-babando…

  17. DouglasL... disse:

    É Ligados em Séries, vc’s estão certo, agente colocou tanta expectativa em True Blood qe eu acho qe a estréia foi morna! 
    Vamos ver como vai ser o desenrolar de #TB daqi pra frente! Vamos ver em qe vai se concentrar tbm essa temporada!

  18. Raquel Alves disse:

    Tara vampira, acho que vai dar um up na personagem que a cada temporada vem deu jeito diferente e o melhor a Pam é a criadora dela, ou seja, mais Pam e espero, mais Tara da 1° temporada.
    Essa premissa já é melhor do que da temporada passada.

  19. Sandrita0210 disse:

    exato e a última frase ”
    7 – não gosta, não vê  ” serve exatamente para vc Bruno Carvalho que só vejo meter o pau na série desde sempre. a série decaiu é verdade, mas vc só fala mal. não assiste mais então, pede para outros no blog para escreverem os reviews…

  20. Estava concordando com a review até destacarem que a trama do Reverendo poderia ser divertida. WTF? Fiquei decepcionado com a trama dele que revelaram estarem tentando introduzir na série. Não tinha um ponto mais relevante pra considerar não? Provavelmente não.

  21. Jeronimo Lopes disse:

    também acho que quem gosta é que deve escrever… achei ótimo o começo da 5ª temporada, amei GoT, e sou propenso a gostar da séries da HBO, #naogostanaoassiste

  22. Jeronimo Lopes disse:

    Um exemplo a Bruna Bottin só fala de série ruím, mais voltadas para mulheres e gays, mas o público dela gosta.

  23. Diogo disse:

    7 – não gosta, não vê (x2)

  24. Sarah-girardi disse:

    “E nenhum personagem minimamente central morre mais.” Isso foi um spoiler ou foi impressão minha? Por falta de vocábulo melhor, “sacanagem” isso…

  25. Tássia disse:

    “Enfim, True Blood continua sendo True Blood; uma espécie de Game of Thrones com a mesma quantidade de personagens, mas com menos putaria, menos histórias interessantes e mais fantasia”

    Só eu que achei confusa essa parte? True Blood com menos putaria? Com aquele monte de gente pelada no 5×01? rs

    No mais, infelizmente concordo com a crítica. TB Tá fraca, mas vou continuar acompanhando.

  26.  O mais legal, MacCrow, é não entenderem a sua crítica na forma desse bingo! Genial seu comment!

  27.  Bom, 1) não foi spoiler, foi apenas uma constatação do histórico da série até aqui. 2) mesmo assim, o texto possui um AVISO de spoiler.

  28. True Blood tem menos que GoT ultimamente.

  29. Ismael disse:

    Isso é o ruim de True Blood, nem a morte nos livra de personagens malas como a Tara.

  30. Wilian disse:

    Concordo! E odeio o Alcide. O que ele tá fazendo na série ainda? Por mim, ele tinha saído lá na 3ª temporada. 
    Espero que realmente melhore!

  31. No seu trabalho você faz somente as coisas que gosta? Pois é. O mesmo vale para os comentaristas de TV.

  32. Alexandre disse:

    Crítica devia ser só masturbação entre fãs então? =D

    True Blood só foi bom mesmo na primeira temporada, que é a única que teve uma história de verdade.

    A gente só continua assistindo por masoquismo e, recentemente, por causa da Jessica. PQP!, que mulher é aquela???!!

  33. Porra , num ta satisfeito num assiste … Mas agora falar um monte de merda e ficar esperando mudar. Tem tantas outras séries sobre vampiros.

Deixe uma resposta

ss