FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruno Carvalho

True Blood: Hopeless

[com spoilers do episódio 5×06] Demorou, hein? Agora sim podemos dizer que a 5ª temporada de True Blood definitivamente engrenou com Russel Edgington exibindo suas presas por aí. Toda a sequência inicial do episódio, embora rápida, foi exatamente aquilo que a série precisava há um bom tempo. Aliás, precisávamos do agitador Russel pra por fim na calmaria que reinava em Bon Temps e região. Desenvolvendo com mais competência as outras tramas parelaleas desconexas, como a dos atentados aos seres sobrenaturais e a perseguição do demônio Ifrit a Terry, o capítulo adotou um ritmo frenético, encontrando até mesmo um propósito para o até então inúltil Alcide. iStakes desativados e brindes com taças de sangue hemofílico à parte, o drama seguiu também com a interessante discussão religiosa/idealista que norteou os capítulos iniciais, enquanto abriu caminho para uma empolgante segunda metade de temporada. Mas True Blood não seria True Blood se não continuasse errando feio no tom, como na exagerada ambientação do “Moulin Rouge” de fadas, que soa deslocada e inapropriada até mesmo desta história tão fantasiosa e excêntrica. Tirando isso, tivemos o primeiro ótimo capítulo da temporada, com um final de tirar o fôlego! E, sim, eu torço por Russel, já que ele segue como o único de trazer a autêntica diversão a esta série em muito tempo. “I do it not because some f*cking bible tells me to! I do it because it’s fun! It makes my d*ck hard”!

8 respostas para “True Blood: Hopeless”

  1. Raquel Alves disse:

    O Flash escreveu este post, hahaha…
    Pra provar que o episódio foi bom, eu nem percebi o tempo passar, me deu um susto quando acabou.

  2. João disse:

    Tá melhorando! Gostaria que a trama das fadas não estivesse ali (que nunca tivesse existido, aliás) mas de resto, tá tudo entrando no lugar. Até Sam, Alcide e companhia estão ficando interessantes na medida do possível. Pena que demorou 6 episódios para chegarmos até aqui…

    Me recuso a acreditar que desperdiçaram o Chris Meloni desse jeito, e como no IMDb consta que ele estará na série até a finale, prefiro esperar a próxima semana antes de ficar com raiva disso. O cara é um puta ator e o personagem é super divertido, não dá pra jogarem fora assim!

  3. Agoooora sim TRUE BLOOD está tomando seus rumos!!! E realmente, precisava de Russel para engrenar. Continuo achando a trama do Terry total…repito TOTALMENTE tediosa, e chata. Poderiam ter cortado, que nem falta faria. Enquanto isso, me divirto com as situaçãoes entre Tara e Jéssica…que ainda acho que essa “guerra” dará pano para a manga hahaha. Estou super aflita com a situação do Sam e da Luna, que novamente, passou despercebida. E estou querendo saber, qual será a história que guardam para o Laffayet, que até então, está sendo disperdiçado na trama. Quanto as fadas, para mim, não fede nem cheira. Se tiver ou não, ta tranquilo. Acredito, como foi colocado na Comic Con, que a temporada realmente começa AGORA. xD

  4. Luiz Felipe Matos disse:

    Eu esperava mais da batalha no hospital e da briga entre Jessica e Tara e____e
    E estou amando todo esse lance com as fadas! Com certeza muito menos dispensável que o Ifrit.

  5. Rodolfo Costa disse:

    Muito bom, mas eu ainda prefiro o da semana passada. E tirando o 5×01, não tenho críticas para a temporada. Estou adorando quase tudo.

  6. “Peace is for pussies…”

  7. F*ck Autorithy!
    Adoro essa frase do Russel. Mas nao queria q o Ramon morresse ..e ainda torço que ele nao tenha….eu nao vi ele explodir de verdade , espirrando pra todo lado. Acho q ele é mais poderoso do q se imagina.
    Bem, é o q eu quero!

  8. Diego disse:

    Putz, também tive a sensação que os caras exageraram naquela dança toda, que enrolação….. parece-me que eles usaram a dança pra dar os 50 minutos de episódio, só pode…..

Deixe uma resposta

ss