FOTO: REPRODUçãO

Por: Davi Garcia

The Walking Dead: Made to Suffer [Mid season Finale]

Último episódio do ano foi marcado por embate entre sobreviventes

[com spoilers do episódio 3×08]Passamos tanto tempo fugindo de zumbis que esquecemos o que as pessoas são capazes de fazer.” A sintomática frase dita por Maggie em dado momento do episódio não foi exatamente essa, mas resume bem o conceito que The Walking Dead expandiu nesta (até aqui) ótima 3ª temporada: a de que é num cenário apocalíptico como o retratado pela série que a humanidade abandona seus freios morais para abraçar a selvageria como justificativa de sobreviência. Nesse contexto, o refúgio de um lugar como Woodbury revela apenas a falsa ideia de uma segurança que não existe já que mais cedo ou mais tarde, aquele que antes dizia ser seu amigo e te dava proteção é o mesmo que te joga para encarar a fúria de pessoas manipuláveis frente um discurso inflamado e que, aos gritos, revelam sua sede por mais sangue derramado. Uma verdade da qual nem mesmo o sociopata Merle pôde escapar como nos mostrou a última cena que deixou um belo gancho neste que foi o último episódio da série este ano.

Multiplicando por 10 o clima de urgência e tensão explorado ao longo dos 7 episódios anteriores, “Made to Suffer” (que foi escrito por Robert Kirkman, criador da HQ e um dos produtores da série) trouxe um caminhão de sequências carregadas de pequenas surpresas (vide, por exemplo, a breve ‘aparição’ daquele que Rick imaginava ser Shane) e muita ação, choque e suspense conforme ficou evidenciado em momentos marcantes tais como aquele em que Glenn faz uma arma para Maggie usando o osso(!) do braço de um zumbi e, principalmente, nas cenas que marcam o resgate do casal protagonizado por Rick e cia seguido pelo intenso tiroteio em Woodbury e mais ainda no violento embate entre o Governador e Michonne que termina com o primeiro chorando a morte definitiva da filha zumbi após ter um caco de vidro fincado pela segunda em seu olho direito.

O que veremos quando The Walking Dead retornar no início de 2013 eu não sei, mas dada a carga de envolvimento que essa temporada fomentou, é impossível negar a imensa curiosidade que tenho para ver que tipo de conflitos novos surgirão na prisão entre o grupo de Rick e o de Tyreese (importante personagem da HQ e que só agora chega à série), além, é claro, de ver qual será o tipo de resposta que o Governador dará àqueles que o seguem e compraram a ideia de que os homens que vieram de fora são terroristas que ameaçam a paz e a harmonia que sabemos não existir de fato em Woodbury.

The Walking Dead retorna no dia 10 de fevereiro nos EUA e no dia 12 no Brasil.

17 respostas para “The Walking Dead: Made to Suffer [Mid season Finale]”

  1. Sandra Gomes disse:

    Excelente episódio e excelente temporada!!
    Antes assistia por assistir mesmo, mas agora te digo que TWD me conquistou de vez!
    vou aproveitar essa lacuna de 2 meses e ler “A Ascenção do Governador” e me aprofundar mais na mitologia da série.
    e o que foi aquele fight da Michonne com o Governador? sensacional, agora o Governador está tão caolho como a sua contra-parte nas HQ´s.

  2. Mr_Popeye disse:

    Achei que Michonne ficaria presa em Woodbury e sofreria a tortura das HQs. Confesso que soltei um ‘fiu’ de alívio qdo ela aparece com Rick e cia.

    Destaque para a parte cômica do episódio: “vc não é lésbica? que interessante” hahahahahahah

  3. robosnejs disse:

    Review muito bom, gostei da parte “…aquele que antes dizia ser seu amigo e te dava proteção é o mesmo que te joga para encarar a fúria de pessoas manipuláveis…” eu acho que o Merle não esperava por essa. O nível de tensão dessa primeira parte da temporada foi muito alto. Nesse último episódio, por exemplo, eu estava assistindo deitado, no final eu estava em pé querendo ver mais e fuck, só em fevereiro…

  4. Anderson disse:

    Na HQ o governador usa um tapa olho no olho direito né?

  5. Frank disse:

    Tbm assistia a série por hábito, mas esta temporada deu uma melhora absurda que hj sou fã da série.
    Temporada fantástica.

  6. Juca disse:

    usa, depois da Michone arrancar um olho dele com uma colher! A HQ é MUUUUITO mais violenta… conforme o esperado eles suavizaram absurdamente na TV! To achando essa temporada excelente, mas sinto um pouco de falta do governador sádico e maníaco dos quadrinhos!

  7. Alex disse:

    A serie melhorou muuuito nesta 3 temporada. As outras duas foram bem fracas na minha opiniao. Excelente episodio mas achei a cena que o Shane aparece meio ridicula. Era obvio que nao era o Shane. Meio desnecessaria… (nao acompanho HQ entao nao sei se isso faz sentido).
    Espero que a serie continue assim!

  8. Renata Riveri disse:

    Verdade, a HQ é imensamente mais violenta. Só que é complicado mostrar violência naquele nível numa adaptação para a TV. Teria problemas sérios com censura, por exemplo.

    Eu acredito que, na série, o Governador a partir de agora será mais sombrio, vamos esperar pra ver.

  9. Renata Riveri disse:

    Excelente episódio mesmo! Estou super ansiosa para a próxima temporada, graças ao cliffranger do final.

    Agora, confesso que fiquei com uma dúvida: o Governador atirou propositadamente o Merle aos lobos, ou, visto que ele mentiu sobre ter matado a Michonne, ele realmente desconfia que o Merle é um traidor?

    Eu acredito mais na primeira opção, mas, depois de rever a expressão do Governador pro Merle logo depois dele acordar, fiquei com essa dúvida.

    Mais uma review muito boa Davi, parabéns!

  10. Caro Alex, a cena foi incluída por escolha do roteirista, não tem a ver com a HQ. A propósito, o Shane é um personagem com bem pouca importância na HQ, ele dura somente algumas edições.

  11. MAICON disse:

    E OS REWIEWS DE FRINGE??????

  12. Thiago Chaves disse:

    Essa terceira temporada está sensacional. Ao contrário da 2ª temporada, que acabou sendo fraca (tirando os últimos episódios que foram muito bons).

    Muitas das adaptações feitas agora na história chegaram a ficar ainda mais chocantes, como por exemplo a morte da Lori.

    Sem falar que eles se aprofundaram mais nos personagens. O próprio Governador é mais humanizado e mostrado aos poucos a sua verdadeira face.

    Mas uma personagem não foi muito bem adaptada a essa história na tela, a Michonne. Essa agressividade toda exagerada dela para com o Governador não fazia nenhum sentido ali. Uma pena também eles terem pulado o verdadeiro embate entre ela e o Governador, esse sim, é de arrancar os olhos para fora. =D

    Enfim, essa temporada foi uma grata surpresa. Todos os episódios foram excelentes. Que a segunda metade seja ainda melhor!

  13. Robsonejs disse:

    Olha ela tem boas razões para querer matar o governador. Ele não mandou o Merle e os outros capangas matá-la depois que ela saiu de Woodbury?!

  14. Thiago Chaves disse:

    Sim. Mas antes mesmo dessa parte, ela já estava muito agressiva com ele. Sem motivo algum.

  15. Rankarch disse:

    Se tiverem inserido um certo estupro, teria ficado bem mais justificado o ódio.

  16. Rosângela disse:

    Essa série é uma daquelas que as vezes dá medo,dependendo do episódio eu fico concentrada,nem gosto de ser interrompida,quando tem apagão então torço que volte logo a luz pra ver na internet!Sinistro!!

  17. Matches disse:

    A temporada foi muito boa, mas não impecável. O Governador foi mal construído, eu não senti toda essa crueldade que dizem que eletem nos quadrinhos e a maior parte das cenas em Woodburry achei chatas, ficaria só com a prisão. Além disso achei que deixaram a Michonne antipática, quando, pelo menos na minha cabeça, ela era só uma pessoa reservada.

Deixe uma resposta

ss