FOTO: WARNER

Por: Allan Verissimo

Gal Gadot só voltará para Mulher-Maravilha 2 se a Warner remover Brett Ratner da franquia

De acordo com fontes do site Page Six, Gal Gadot só assinará contrato para uma continuação de Mulher-Maravilha com uma condição: a Warner tem que cortar definitivamente as suas relações com a RatPac-Dune Entertainment, companhia do diretor Brett Ratner (Dragão Vermelho, X-Men: O Confronto Final), que ajudou a produzir o filme de origem da super-heroína.

Na última semana, a Warner anunciou que não trabalharia mais com Ratner após as inúmeras denúncias de assédio sexual feitas contra ele por atrizes, incluindo Olivia Munn (X-Men: Apocalipse, The Newsroom) e Natasha Henstridge (A Experiência). A companhia de Ratner lucrou bastante com o sucesso de Mulher-Maravilha, e Gadot se recusa a protagonizar um filme de empoderamento feminino, mas que ao mesmo tempo é financiado por um homem com sérias acusações de má conduta contra mulheres.

Os porta-vozes de Gadot e Ratner não quiseram comentar o assunto ao serem questionados pelo site Page Six. Um porta-voz da Warner Bros respondeu apenas: “Falso“.

Uma resposta para “Gal Gadot só voltará para Mulher-Maravilha 2 se a Warner remover Brett Ratner da franquia”

  1. JeanJonathas disse:

    Empodera kkkk

Deixe uma resposta

TOP.05
ss