FOX Cancela Alcatraz, The Finder, Breaking In, I Hate My Teenage Daughter e Renova Touch

Alcatraz começou badalada, com o aval de J.J. Abrams na criação/produção e uma premissa interessante. Mas após o piloto promissor, a série mergulhou ladeira abaixo e, episódio após episódio, apresentou uma trama estagnada e um roteiro medíocre. Não deu outra: a audiência foi escapando e a FOX acabou de cancelar o drama, que não retornará para a 2ª temporada no próximo Fall Season. A série se junta à lista de grandes produções do canal que dão adeus este ano: Terra Nova e House.

O Season (Series?) Finale de Alcatraz

Por Davi Garcia

[com spoilers dos episódios 1×11, 12 e 13] Em determinado momento do episódio 11, o diretor assistente da prisão diz que um cachorro velho pode até aprender um truque novo, mas jamais deixará de ser velho. De certa forma, uma lógica semelhante se aplica à própria Alcatraz, uma série nova que se desgastou rápido demais por conta da inércia e ineficiência criativa, e que mesmo apresentando truques ‘novos’ em seu desfecho (uma cena de ação que prestou homenagem ao filme Bullit envolvendo uma perseguição de carros pelas ruas de São Francisco; algumas poucas respostas relativas ao mistério que ‘sustentou’ a trama e um gancho com a suposta morte de Rebecca Madsen), encerrou sua jornada de forma melancólica reforçando a ideia de que um bom conceito amparado por personagens mal desenvolvidos e uma narrativa ruim só pode resultar numa coisa: um monte de nada que reflete uma oportunidade desperdiçada.

De que adiantou revelar o que existe por trás da porta misteriosa no subterrâneo de Alcatraz; indicar que os 63s apareceriam em todo o país e não apenas na área de São Francisco (podendo inclusive serem rastreados por causa da prata no sangue) ou mesmo introduzir um novo – e aparentemente importante – personagem, se àquela altura todos os acontecimentos que nos levaram até ali, incluindo o confronto de Rebecca com seu avô, foram absolutamente anticlimáticos e desinteressantes? Aliás, como se importar com o destino de uma personagem como a Madsen, por exemplo, se sua evolução na trama se resumiu à ideia dela ser a pior detetive da história das séries, visto que ela nunca investigava nada efetivamente (só reagia aos eventos) e era sempre a última a descobrir as pontas que se relacionavam aos casos?

Sério, Alcatraz. Custava ter pelo menos dado uma dica sobre qual era o plano do diretor da prisão ou uma explicaçãozinha, por menor que fosse, sobre o mecanismo que envolvia o reaparecimento dos 63s? Será que nunca ocorreu pros seus roteiristas que oferecer alguma coisa que pudesse capturar efetivamente o interesse do espectador pela história em seu desfecho seria uma boa ideia? Enfim, seja lá qual for seu destino e os planos que tem guardados, paro por aqui com você, Alcatraz. Desejo tudo de bom caso a dona Fox resolva cometer a loucura de renová-la, mas se depender de mim, a pergunta que Diego Soto faz num desses últimos episódios (“Nunca saberemos o que está acontecendo aqui, né?”), já tem resposta: não, Diego. Aparentemente nunca saberemos.

Alcatraz: Guy Hastings

Por Bruno Carvalho [contém spoilers] O primeiro guarda de Alcatraz reapareceu…  E a série não poderia estar menos interessante. Com 5 episódios já…