FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruno Carvalho

Glee: Bad Reputation

Glee (1×17: Bad Reputation): Esta semana Glee ficou no meio termo. Não foi exagerado como o capítulo de Madonna, mas acabou ficando aquém do último Home, que teve Kristen Chenoweth, apesar de levemente divertido. O tema da “má reputação” deu uma agitada na turma e criou algumas performances interessantes como Ice Ice Baby (mas eles precisam segurar a mão na dublagem de Will) e  Total Eclipse of the Haert. Uma pena que o desfecho foi meio capenga com aquela cena da conversa de Schuester com Quinn, que realmente ficou apagada pelo roteiro desde a volta. Agora, eu não estou entendendo a necessidade que a série tem de constantemente colocar Sue Sylvester em um vídeoclipe fora de contexto e sem o menor propósito. Soa desesperador, artifical e é desnecessário e bobo todas as vezes. Poxa, Jane Lynch é o maior “ativo” que eles têm e o enfraquecimento da antagonista desta forma só é prejudicial à própria comédia. Sue fica muito melhor gritando com as cheerios e arrumando confusão com o Glee Club do que brincando de fazer covers à la Marcos Mion. Não entendi também a veloz participação de Molly Shannon como uma potencial rival da treinadora, que no fim das contas ficou só na ameaça. Espero que ela retorne, pois esta também é uma ótima atriz que não pode ser desperdiçada. Bad Reputation, assim, soou como um episódio incompleto e, por falar nisso, como não tivemos uma versão de “Bad Reputation” de Joan Jett & The Blackhearts no repertório? Ficaram devendo essa…

Uma resposta para “Glee: Bad Reputation”

  1. myroadside disse:

    car insurance rubd auto insurance %DD life insurance 18090 auto insurance quotes 059898 health insurance 8863

Deixe uma resposta

ss