quarta-feira, fevereiro 28 2024

Por Davi Garcia

Se sou o tipo de homem que atiraria no melhor amigo, o que acha que eu faria com um cara que nem gosto?”. O sexto episódio desse, ainda irregular, 2º ano de The Walking Dead explorou a revelação de complicados segredos (Lori contando a Rick sobre seu envolvimento com seu parceiro), a discussão relacionada a uma decisão impostergável (o futuro da gravidez de Lori, claro), além da crescente sombra da possibilidade que o grupo liderado por Rick tem de ser obrigado a deixar o ‘conforto’ da fazenda de Hershel a pedido deste. Contudo, mais do que os desdobramentos de verdades inconvenientes ou o risco que envolve a presença de zumbis num ambiente tão próximo (o celeiro), a maior ameaça para aquelas pessoas evidenciada em “Secrets” atende por um único nome: Shane. O personagem que, pelas ações e pelo comportamento, tem se mostrado absolutamente imprevisível.

Revelações, riscos e ameaças à parte, a verdade clara e cristalina é que The Walking Dead segue pecando ao estender seus conflitos e cenários de uma forma menos envolvente ou empolgante do que poderia e, principalmente, deveria. Sendo assim, ainda que tenhamos visto alguns bons momentos ao longo de 42 minutos (vide as cenas envolvendo a emocional discussão entre Rick e Lori; aquelas das tensas aulas particulares de tiro que Andrea ganhou de Shane e sobretudo a deste último com Dale), a sensação que se tem ao final de “Secrets” é que, além de ser um episódio essencialmente filler, ficou faltando algum grande evento e desenvolvimento maior para a história e seus personagens.

Colocando esses pontos na balança, como fã da série desejo profundamente que este sexto capítulo da temporada represente apenas o silêncio que precede o esporro que, espero eu, virá no último episódio antes do hiato que se seguirá até fevereiro de 2012. The Walking Dead, muita gente ainda confia no potencial da tua história, mas tá mais do que na hora de deixar de ser promessa e virar realidade!

19 comments

  1. Amigo, acho que não foi filler, porque todos nós que lemos o HQ achamos que quando o doutor falou no pé do ouvido do Rick, no 1×06, ele estava contando sobre a gravidez de Lori, porém quando a Lori contou que estava grávida ele agiu como se não soubesse e fosse um grande choque. e duas uma: ou teve um grande erro de continuidade ou ele contou alguma outra coisa, tvz relacionado com os helicópteros (o da primeira temporada e os que apareceram em um preview da 2ª temporada.

  2. Walkind Dead até agora é só filler. Nada acontece. A história toda amarrada na busca da menina Sophia. Nao sei porque, mas essa Sofia me lembra a Uni de Caverna do Dragao. Só atrapalhava todo mundo e me matava de raiva. Bom, eu continuo acompanhando essa merda pq gosto de filme de zumbi e ainda tenho esperanca que algo vai acontecer.

  3. A pergunta que não quer calar: “where the hell is Sofia?”

  4. Nossa até q enfim a tensao sexual entre Shane e a loira lá q eu esqueci o nome foi pra frente.
    Shane é o cara. Ele tá sendo a liga da série!

    Sofia é tão esperta assim q conseguiu sobreviver sozinha a um apocalipse ?
    I dont think so!

  5. Pra mim essa serie não e mais promeça a algum tempo, os numeros surpreendentes de audiencia nos USA mostram que já sim tem seu valor que por sinal lidera as noites de Domingo da TV paga em todos os episodios da 2ºTemporada.

  6. A 2ª Temporada de TWD está decepcionante!
    Não há Zumbies, a história está amarrada em problemas pessoais dos personagens, está parecendo mais com MALHAÇÃO!

  7. Ótimo que as pessoas, que esperavam que The Walking Dead fosse ser mais um Resident Evil, estão caindo na real. A proposta da HQ nunca foi ser um enredo sobre mortos vivos, mas, sim, sobre a humanidade, como sociedade e dogmas, num contexto apocalíptivo. A segundo temporada, até agora, está servindo muito bem para apresentar personagens, o que faltou na primeira temporada. Em The Walking Dead, personagens são muito mais importantes que zumbis; zumbis são meros coadjuvantes, um agente catalisador.

    Quanto ao episódio, serviu para finalizar alguns conflitos: gravidez da Lori (ficou claro, pela reação do Rick, que ele não sabia que a Lori estava grávida, então o cientista deve ter dito outra coisa), o mistério do celeiro (a opinião do Hershel sobre o porquê de manter os walkers no celeiro). Apresentou a Andrea com o seu talento para tiros (fundamental para o decorrer da série), ratificou a personalidade do Shane, aprofundou o desejo de Hershel de manter o grupo do Rick longe da fazenda, e etc. Ou seja, filler coisa nenhuma.

  8. O desenvolvimento dos personagens parece ser a prerrogativa desta primeira parte da temporada, o que, em determinados momentos, impede o desenvolvimento da trama. Fora o trio principal – e algumas participações do pessoal da fazenda – os demais personagens recebem momentos de tela em que suas características são realçadas, o que ainda é pouco considernado-se o hype que a série adquiriu de um ano para cá. Espera-se que a segunda parte siga fiel à história original e que consiga desenvolver uma narrativa que faça os personagens se sobressaírem assim como a própria história de sobrevivência em um apocalipse zumbi.

  9. Bom, eu continuo acompanhando essa merda pq gosto de filme de zumbi e ainda tenho esperanca que algo vai acontecer.

    FALOU E DISSE !!!

    AHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHU

  10. Filler sim, pq HQ é HQ e série é serie . Quero morte, tiro, tensão, perseguição e sobrevivencia !!

    Bom, eu continuo acompanhando essa merda pq gosto de filme de zumbi e ainda tenho esperanca que algo vai acontecer.

  11. Eu não sei se as pessoas são muita mais exigentes do que eu ou se ao começar ver TWD elas queriam ver residente evil, mas pra mim a série está muito boa, tem drama, suspense e ação, e está bem melhor que a temporada passada, já que de fato está explorando mais a fundo alguns personagens.
    Minhas criticas seriam a personagens dispensáveis (T-Dog) e ao roteiro que tem boas idéias (temas pertinentes a situação) mas o desenvolvimento não é tão bom, mas tudo bem.
    Gostei bastante desse episódio, acho que as tensões reforçadas vão servir de fio condutor a algo grande.
    Poderia ser mais dinâmica, acharem logo a garota e ter mais situações com zumbis? Sim, mas não tem e nem vai ter e pra mim ainda ta bom assim. Eu gosto, e é isso que importa, haha!!

  12. Mano, a analogia com o Uni ficou mais que perfeita. Essa doida da Sophia até agora não fez nada nem na HQ. Tem que aparecer morta logo e deixar o povo seguir pra prisão.

  13. Bem, pessoal, sinto muito para quem quer ver somente zumbis perseguindo e matando pessoas. Os quadrinhos não são só assim, e a série muito menos.

    Eu estou gostando da série, mas, acho que ela está muito arrastada (e com algumas falhas, comentarei em seguida): muito tempo é gasto com histórias ou cenas irrelevantes, às vezes até tolas (p.e. o zumbi no poço no episódio anterior).

    Sobre as falhas: interessante ver Shane e Carl andando de um lado para o outro, considerando seus problemas de saúde até o episódio anterior, e igualmente interessante ver que não há mais nenhuma preocupação com estoque de munição, ou com fazer barulho (como havia na primeira temporada).

    Com relação ao arco da Sofia, eu tb acho que já deveriam ter resolvido isso. Porém, vi um debate interessante sobre o paradeiro dela.

    [ATENÇÃO: POSSÍVEL SPOILER]

    A teoria é de que ela está com o próximo grupo que Rick & cia encontrão após sair do celeiro, sendo o elo de ligação entre os arcos.

  14. a série devia seguir o quadrinho, assim não ia decepcionar…

Deixe um comentário