FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruna Bottin

Grey's Anatomy

por Bruna Bottin

Quantas vezes posso dizer que estou adorando a oitava temporada de Grey’s Anatomy sem ficar piegas demais? A série retornou com tudo em 2012 e não foi apenas no episódio Suddenly. A trama manteve o pique e nos entregou mais dois capítulos importantes para o rumo dos médicos do Seattle Grace/Mercy West Hospital. Tanto em This Magic Moment, quanto em Hope for the Hopeless, acompanhamos interpretações impecáveis – especialmente da atriz Sandra Oh. Foi impossível não ficar tensa (novamente) nas cenas de Teddy e Yang, agora com a mentora fazendo sua residente repetir diversas vezes, sem parar, como foi o procedimento realizado em Henry, que acabou em morte. Era como se ela precisasse visualizar e ter certeza que Yang fez tudo o que podia para salva-lo, e a residente, como sempre, resistindo como uma rocha. Foi, com certeza, o destaque principal do episódio, coisa que nem um caso de gêmeos siameses poderia superar.

Já em Hope for the Hopeless, voltamos a prestar a atenção em Meredith Grey que, convenhamos, está em um de seus melhores momentos na série. Ter recuperado a Zola foi importante para a personagem, mas agora ela tem que se preocupar com a sua especialização: ir para a cirurgia geral e continuar o legado de sua mãe ou fazer qualquer outra coisa? Apesar de acreditar que ela seguirá o rumo de Ellis Grey e será a nova Bailey (repararam no sermão que ela deu nas duas pacientes?), gostaria que a escolhida fosse a neurocirurgia, mas pelo jeito esse será o destino da Little Grey, Lexie. Já Cristina está decidida na carreira e afundando no seu casamento com Owen. Quero ressaltar que depois do Dr. Burke, nenhum outro parceiro teve química suficiente com a Yang. Com o Burke ela tinha tudo: cardiologia e amor. Agora ela tem que se dividir entre a profissão e o desejo de ser a melhor com o casamento. O fato de Teddy tê-la perdoado fez com que, ao final do episódio, uma enorme discussão fosse gerada entre Owen e Cristina, que obviamente trouxe a tona o fato do aborto.

Não posso deixar de comentar a cena emocionante do eterno Chief  Webber com a sua esposa Adele. O Alzheimmer, cada vez mais avançado, levou-a até o hospital, causando a maior confusão. O constrangimento de confundir Meredith com Ellis e a tristeza ao pensar que o marido a tinha abandonado foram de partir o coração. Mas para nos fazer soluçar ainda mais, o casal interpreta a música My Funny Valentine na tentativa de Chief de acalmar a crise. Na semana que vem, dia 2 de fevereiro, irá ao ar mais um capitulo de Grey’s Anatomy, mas nesse vamos deixar a imaginação correr solta e ver como tudo seria se tudo fosse diferente como, por exemplo, se a famosa Ellis Grey estivesse viva ou se Derek continuasse casado com Addison. Não vou perder!

——————————

Assine e ouça o Podcast Ligado em Série!
Assine o Podcast!

8 respostas para “Grey's Anatomy”

  1. licaro disse:

    Lindo episodio. Chorei tanto…Loretta Divine linda como sempre!!
    E o Owen mostrando que todo homem é babaca e não importa o que aconteça, com quem seja ou quanto tempo passe, a magoa nunca vai embora e um dia tudo é jogado na nossa cara!!

    E que venha o proximo episodio.

  2. @lorenalims disse:

    Só para corrigir, o episódio de realidade alternativa, não será nesta semana, está semana teremos reprise (se não me engano). E na próxima, sim, irá ao ar o episódio 13
    ,quinta-feira, 2 de fev de 2012.

  3. Leletts disse:

    Devo dizer, que Grey’s só melhora. Graças a Deus a vida da Meredith está tomando um rumo certo, e finalmente ela, Derek e Zola são uma familia. Só eu detesto esse relacionamento da Yang com o Owen? Sério! Ele começou bem, mas com o passar do tempo só nos convenceu o quanto eles não se “merecem”. Momento SUPER emocionante do Chief com a Adele, chorei horrores, Greys sempre mantendo essa emoção dosada, que vem quando menos se espera. Para finalizar meu comentário, gostaria de parabenizar o Ligado em Série pelas criticas, sempre leio, não perco uma. Valeu…beijos

  4. Tony disse:

    Grey’s tah segurando o nível de uma forma incrível!
    É claro que há uma falhinha ou outra (como tar jogando alivio comico demais pra Bailey), mas o resultado final fica impecável…
    Numa 8ª temporada, conseguem fazer com que a gente se apaixone cada vez mais por personagens que já conhecemos há um tempão… Mer e Cristina cada vez mais apaixonantes…
    Ellen Pompeo sempre foi boa, mas nessa temporada tah ÓTIMA.
    Enfim, Grey’s Anatomy fazendo o que sabe fazer de melhor: te levar do riso ao choro. Grey’s mais uma vez, sendo Grey’s…

  5. Tony disse:

    Pois eeh, parabéns e obrigado ao Ligado em Série!
    Sempre acho muito bem analisada e aprofundada as ‘críticas’ daqui, mesmo que eu não concorde com algumas… e ver só elogios pra Grey’s aqui eh muito bom!

  6. Sayuri disse:

    “Era como se ela precisasse visualizar e ter certeza que Yang fez tudo o que podia para salva-lo”. Eu entendi essa situação como um mantra da a Teddy: sem isso ela não conseguiria se concentrar nas coisas…

    A série deu AQUELA melhorada em 2012… Shonda sendo muito MESTRE na arte da ficção!!!!

    Não sou de chorar com os epis, mas garanto que fico totalmente embargada em certos momentos… Ver a Meredith com a Zola, depois de todo aquele conflito, é a MELHOR coisa; Little Grey no meio de um conflito interno (ainda amo meu ex, mas agora ele já partiu para outra – será mesmo?); Bailey sendo feliz novamente após o divórcio; Owen e Cristina se combinam MUITO na minha opinião. Um é o “balance” do outro. Mas, ao mesmo tempo, há as diferenças (enormes) entre eles… o que deixa td mais interessante; Arizona e Callie LINDAS como sempre, mostrando que o homossexualismo ñ é doença e que PODE (é óbvio) ser sincero e MUITO mais parceiro do que muita relação hetero.

    Ai, sei que falei d+, mas quando de trata de GA fico enlouquecidaaaaaaaaaaaaaa…

    #ComoLidar com essa caso #SOPA??? Oh Geeeeeeeeeeeeeeezzzzz…

  7. Bruna Bottin disse:

    É verdade, obrigada pelo aviso. Correção feita.

  8. gabs disse:

    eu não gosto da Meredith, acho a trama dela chata…mas a Cristina é sensacional. Pra mim , os melhores momentos do seriado estão sempre envolvendo ela de alguma forma. E desde que o Owen chegou, to achando cada vez melhor. To triste é pelo plot Lexie e Mark, que eu adoooro. Será que os dois vão ficar juntos de novo em algum momento??
    vamos aguardar….

Deixe uma resposta

ss