FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruna Bottin

Grey's Anatomy: Support System

por Bruna Bottin

[com spoilers do episódio 8×19] Mais um belo episódio de Grey’s Anatomy com uma impecável atuação de Sandra Oh. Support System foi do início ao fim construído em cima da necessidade de Cristina em compreender o real motivo da traição de Owen, que no final das contas foi em vingança mascarada pelo aborto. Os flashbacks que foram montados recapitulando a história do casal desde seu primeiro contato fizeram um gancho com as cenas narradas por Owen sobre a traição, numa montagem que engrandeceu a narrativa deste capítulo. Quem diria que o íntegro chefe de cirurgia Owen Hunt, aquele que chegou de uniforme militar na série, seria capaz de trair sua esposa em uma noite de bebedeira? Incrível foi assistir o choro soluçante de Cristina transformar-se em uma risada histérica ao se dar conta que é uma incrível cirurgiã que deveria estar estudando para as provas da residência, mas estava ali se lamentando por um “garoto”.

O afastamento de ambos para resolver essa situação (com a desculpa de uma gripe) serviu para Mark Sloan assumir a chefia do hospital. Com certeza foi cômico e interessante vê-lo nessa posição, pois ao mesmo tempo em que Sloan inventava nomes estúpidos para um “almoço com o chefe”, era notável sua dedicação para que tudo ocorresse perfeitamente bem durante sua liderança – o que foi reconhecido em segredo pelo próprio Derek (e se isso se tornasse definitivo?). Preciso destacar outro ponto importante e que foi excelente durante esse capítulo: a amizade esquisita e única entre Meredith e Cristina. A sintonia que foi arquitetada para essas personagens ao longo de oito temporadas é perfeita. Sempre sabemos como cada uma irá reagir perante ao problema da outra, mesmo assim, os momentos em que elas se ajudam prendem a nossa atenção e nos emocionam continuamente. Grey’s Anatomy segue em um ótimo nível na reta final da temporada, misturando maravilhosamente bem o drama com a comédia, o que será que Shonda Rhimes nos reserva para a season finale?

6 respostas para “Grey's Anatomy: Support System”

  1. Darlan disse:

    Foi um ótimo episódio mesmo. Eu nunca curti o Owen, mt menos o casal, mas foi impossivel ficar indiferente ao que aconteceu entre eles. Shonda soube construir esse drama de uma forma bem bacana. Em relação ao resto, gostei mt da dinamica Teddy x Calliezona e Bailey e Achei o final com a apresentação do Grey Method bem Grey’s de raiz. Me fez lembrar as primeiras temporadas. Série boa é isso.

  2. Cecilia disse:

    Parabens pelo post, concordo com tudo que foi dito…Shonda tem a incrivel capacidade de fazer Greys Anatomy interessante e real durante todos esses anos…e o mais incrivel eh q nao sinto a menor falta da Izzie e do O’Malley….

  3. Leandro disse:

    Grey’s Anatomy já deu o que tinha que dar. A atuação da Sandra foi boa, mas muito aquém do que ela já fez na série. A personagem foi completamente descaracterizada, e transformada numa Izzie da vida, uma mulher meio submissa, chorona.
    Tá na hora dessa série acabar.

  4. Ferno disse:

    A Christina insistindo com o Owen para repassar cada detalhe da traição para que ela pudesse entender foi um belo paralelo com quando a Teddy insistiu com a Christina para repassar cada detalhe da operação do Henry.

  5. Vinícius Andrade disse:

    Incrível temporada mesmo, Bruna. Você está certa por ressaltar nos últimos reviews a delícia que essa temporada está. Grey’s Anatomy não “deu o que tinha que dar”, não. Se fosse o caso estaria no último ano (caso de House), mas essa temporada veio para mostrar que Shonda ainda tem lenha para queimar.

    Viva Grey’s!

  6. Mik disse:

    Também não acho que “deu o que tinha que dar”. A Izzie ERA uma chorona boboca; a Cristina não, ela percebeu no que tinha se transformado e não gostou nada. Particularmente, torço pela separação definitiva dela com o Owen. Cristina nunca escondeu que não queria ser mãe, ele disse que a apoiava, foi lá segurar a mãozinha dela na hora do aborto, e na primeira crise joga isso na cara dela e ainda a trai? Francamente, isso deixa de ser falha de caráter e passa a ser falta de caráter. Cristina ficará melhor sem ele, sem dúvidas.

Deixe uma resposta

ss