FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruno Carvalho

Damon Lindelof Abre o Jogo Sobre o Final de LOST

Hoje, na véspera do aniversário de dois anos do fim de LOST, o produtor Damon Lindelof (um dos showrunners e principal roteirista da série) publicou em seu próprio perfil no Twitter o link para uma entrevista que concedeu ao site On The Verge. Apesar de trazer um apresentador ligeiramente despreparado e falastrão, Lindelof comentou vários aspectos sobre o final de LOST e as decisões criativas do show ao longo das 6 temporadas. Infelizmente o vídeo está em inglês (alguém anima legendá-lo?), mas dentre vários assuntos discutidos, Lindelof comentou mais uma vez o final e colocou alguns pingos nos “is”para aqueles que, como o próprio entrevistador, insistem em achar que nada na série foi real. O roteirista explicou que tudo, exceto os flash sideways (da 6ª  temporada), realmente “aconteceu” na série.

A ilha foi real, o acidente, a Inciativa Dharma etc. Ele contou que o conceito do ambíguo término da série é o que mais fazia sentido para ele, que procurava se distanciar de um final onde “o arquiteto da Matrix chega e explica tudo“. Na concepção de Lindelof, LOST foi uma série sobre pessoas que estavam perdidas e eram incapazes de se perdoar, e que somente após compartilharem todas aquelas experiências é que finalmente foram capazes de “seguir em frente”. Ele explicou também como funcionava a mecânica das temporadas (que eram planejadas), confessou que enquanto a ABC não estabeleceu o fim da série (o que ocorreu na 3ª temporada) eles não tinham o final pronto e que eles sempre ouviam o feedback do público e incorporavam na história (mas às vezes era tarde demais). Segue abaixo o vídeo completo da entrevista:

37 respostas para “Damon Lindelof Abre o Jogo Sobre o Final de LOST”

  1. Lucas disse:

    Triste é ela TER que explicar que só os flashsideways 
    não eram reais, dois anos depois, pra esse povo entender 

  2. nunca me perdoarei pelos 6 anos que passei vendo essa merda…

  3. Lucas Mansur disse:

    Sempre que vem alguém dizer que não gostou do final de Lost, pergunto o motivo e é sempre algo nesse sentido: “Estavam todos mortos”. O pai do Jack foi o mais didático possível, explicando esse ponto. Complicado! Aos demais, digo que desconsiderem os flashsideways já que não conseguiram captar a mensagem tão bonita passada pelos roteiristas.

  4. Jessica :-) disse:

    Ninguém achava que tudo não era real. É que o final foi uma merda mesmo e sempre precisam de uma desculpa. Abração, Lindelof!

  5. Renan disse:

    Só eu tenho a impressão que HATER de LOST tem a necessidade de comentar em todos os lugares possiveis “dos anos que ele perdeu vendo”. z.z Tipo, ja deu. Ninguem se importa se voce gostou ou não.

  6. Vinícius Barros disse:

    Gente, coitado dele! Enloqueceu depois do fim de Lost! Ele não desencana, só fala disso, só vive tentando se explicar, querendo convencer todo mundo o tempo todo, mesmo dois anos depois do fim do seriado…

    Meu amigo, o trauma foi grande.

  7. Patricia B. disse:

    Sério que esse cara ainda acha que que não idolatra Lost é porque não entendeu aquele train wreck?? Será que eu não tenho o direito de ter visto, entendido e ainda assim achar um lixo… Porque eu achei, e ó, fiquem tranquilos, eu sei que todo mundo viveu sua vida inteirinha e só se encontraram na sexta temporada, nos flashsideinfernos depois que todos morreram, independente de quanto tempo demoraram pra viver… Eu entendi tudo e ainda assim achei uma resolução boba, fraca e absurdamente incoerente. Deal with it!

  8. Patricia B. disse:

     Ué, quem gosta não pode vir aqui e falar que gosta? Quem não gostou também pode, né?

  9. Foi um final medroso mesmo. E sem essa de dizer que quem não gostou é porque é burro. Gostei da série até a quinta temporada (pra mim a melhor), mas o final foi fraco demais. Não tento posar de intelectual de araque, não gostei e pronto.

  10. Renan disse:

     Ta mas serie que voce não gosta ou que não gostou do final tem aos montes. Agora o negocio acabou faz dois anos, voce não gostou, move on, vai pra proxima. Tem tantas series que eu não gosto, não é por isso que em toda noticia, todo lugar eu tenho que ir e critica- la. Eu ja fiz isso quando  terminei de ver. E não ficar remoendo isso depois de tanto tempo.

  11. Adriano Alves disse:

    O pior é ainda ouvir os “que não entenderam que tudo era real” chamarem a série de ruim, ‘bost’, e afins. Primeiro entendimento, depois críticas. Por favor!

  12. Mauro Santos disse:

    Sim, vários ainda acham, inclusive o próprio apresentador do programa.

  13. Mauro Santos disse:

    Os que comentam pra dizer “Bost” realment merecem ter achado o final ruim. É demais pra uma mente como essa.

  14. Ubla disse:

    Alguém que entendeu o fim da série, por favor, pode me explicar? Por que eu não tenho a menor vergonha de dizer que, apesar de ter amado a série e muito dos seus personagens pelos quais tenho muito carinho, e não ter me arrependido nem um pouco de acompanhá-la, exatamente por isso; não entendi completamente o final. Então se alguém me fizer esse favor..

  15. Patricia B. disse:

    Depois de terem saído da ilha e vivido suas vidas, depois de morrer os personagens foram parar naquela “vida” da sexta temporada, onde todos tinha que relembrar o que tinham vivido e se encontrar para que pudessem seguir juntos para a luz… ¬¬

  16. Raquel Alves disse:

    Eu amei Lost até a 5° temporada (minha preferida junto com a 1°), e tinha entendido o final, só odiei.
    Preferia que tudo fosse explicado não apenas terminado.

  17. Andre Ouriques disse:

    Sério de gênio feita para não-genios, só pode gerar comentarios como “Bost”, “todos morreram no final”, “o final foi uma merda”, e etc

    Uma serie, filme, quadrinhos, não se julga pelo seu ato final, e sim pela sua narrativa.

    Melhor serie de todos os tempos, esta alcunha só cabe a LOST!!!

  18. Ubla disse:

     Deixa ver se entendi então… Depois q a bomba explodiu, todo mundo morreu mesmo? Até o Jack? Ou ele foi o único q ficou vivo pra cuidar da ilha, proteger a luz, sei lá? Acho q vou bem ali rever a série do começo ou pelo menos toda a sexta temporada ¬¬

  19. Patricia B. disse:

     Não! Quando a bomba explodiu conseguiram consertar tudo e voltar para a época correta… Depois disso, as pessoas foram resgatadas e saíram da ilha… Ao sair da ilha, viveram suas vidas fora da ilha normalmente… Ao morrerem, independente de quando, todos se encontraram naquela espécie de purgatório que foi a realidade alternativa da última temporada. Lá no purgatório, todos deveriam relembrar suas vidas e se reencontrarem para irem juntos para a luz…

  20. GuilhermeDea disse:

    Só uma pequena correção: O nome do site é ”The Verge”, ”On The Verge” é apenas o nome do segmento.

  21. Rodrigootaviofu disse:

    Ele foi burro de ir a público se explicar. Ele tinha que sair como a série, sem explicações.

  22. Rodrigootaviofu disse:

     de novo esse negócio de “perdi 6 anos”? Vira o disco

  23. Lost foi ridiculo. Fizeram três temporadas como se fosse uma série de ficção científica, e quando viram que não conseguiriam explicar as coisas, começaram com esse papo idiota de que é uma “história sobre pessoas”. Ridiculo.

  24. Antônio Lira disse:

    O problema é justamente esse. Pra mim o ato final foi ótimo, a narrativa é que foi falha.

  25. Wilian disse:

    Lost sempre foi e sempre será a minha série favorita. Gostei do final mas eu entendo quem não gostou. O que eu não entendo são as pessoas que dizem que não gostaram, que perderam 6 anos de vida, simplesmente porque virou moda desde o fim de Lost falar mal da série. E os 5 anos anteriores em que tudo era bom pra essas pessoas, em que Lost era a “melhor série do mundo”, “Locke era o melhor personagem” …E aí? É totalmente apagado? Sinceramente, eu não entendo essas pessoas. 

  26. Gilson Batinga disse:

    A série foi ótima, mas vamos confessar e aceitar que o final foi muito ruim, níguém gostou, nos comentários querem justificar, foi tão tosco que se é semelhante a dizer que foi um sonho de um personagem, que no final teria acordado e tudo bem, depois de toda a tecnologia, toda a mística, realmente decepcionate. Um abraço.
    Gilson Batinga

  27. Panajote disse:

    Acho que um pouco abaixo de lost vem Arquivo X e Fringe.

  28. alexandre mendes dos santos disse:

    Sem sombra de dúvidas Lost ficará na história da televisão como uma das mais criativas e sensívies narrativas já feitas. Apesar de o final da mesma ter confundido a muitos (me enquadro entre estes) diversas dúvidas careceram de respostas mais objetivas, tais como: O que foi o projeto Dharma? qual o significado da resistência de desmond ao eletromagnetismo? Em que momento eles morreram? Porque a ilha aparece submersa no oceano no primeiro episódio da sexta temporada? Mas, não obstante as questões em aberto, as maravilhosas histórias dos personagens magistralmente retratadas pela produção valeram cada segundo e certamente cumpiram seu papel em mostar os seres humanos em todas as suas nuances, complexas como a própria vida o é. Não critico os opositores, mas, pessoalmente cresci muito como ser humano ao acompanhar a vida de tão complexos e maravilhosos personagens. Obrigado Lost!

  29. Diego Souza disse:

    LOST > Outra Série

  30. Fabio Santos disse:

    LOST série realmente Incrível, e sim a idéia inicial era que a ilha fosse um purgatório, porém como todo mundo descobriu eles mudaram de idéia. hehehe

  31. Watson Januário disse:

    Lost foi e sempre será a melhor série de todos os tempos. Ela sempre foi uma história SOBRE PESSOAS, vide os dramas que os personagens passaram desde o começo do seriado, os flashbacks dos acontecimentos mais importantes das vidas daqueles personagens, e o fato da vida dos mesmos estarem interligados por algum incomum e ao mesmo tempo inacreditável: o acaso. Para mim, essa foi a série mais genial criada. E vai demorar anos para que tomem este posto dela.

  32. Tiago Andrade disse:

    Nunca entendi porque a dúvida se tudo foi real ou não – incluindo a piada recorrente do “estão todos mortos”. O próprio episódio final da série deixa comicamente claro que tudo que aconteceu na ilha foi real

  33. maria madureira disse:

    o problema do final de lost obviamente não é essa questão inexistente quanto a tudo ter acontecido ou não (porque fica bem claro que tudo aconteceu). o problema é que, por exemplo, se o jacob comandava tudo o tempo todo, e ele era esse cara do bem, como ele pôde deixar que o ben fizesse as coisas horríveis (e desnecessárias) que fez com os sobreviventes? na segunda e na terceira temporada, pintavam os outros como monstros, e depois eles viraram soldados do bem que trabalhavam para o jacob! muitas inconsistências!

  34. Samuel Fialho disse:

    A série foi muito boa como um todo. O problema, foi o final que realmente não foi o que estavamos esperando, isso por que estavamos esperando respostas. O problema também, é a forma como as respostas nos foram dadas. Foi um final emocionante e eu gostei bastante, mas admito que poderia ter sido melhor.

    Pra mim, melhor série de todos os tempos.

  35. Bsaga disse:

    Falem mal,mas Falem de Lost : )

  36. Bsaga disse:

    podem detestar o fim ou a narrativa,mas foram provocados de alguma forma a pensar e chegar em algum lugar,mesmo que sejam fã de outra série,não sou bitolado por lost,mas assisto sempre que posso,mas isso não muda o fato de que a série é foda só porque em muitos ou poucos pontos frustraram certas expectativas,ou seja,tem muita gente mais lost em suas vidas depois de assistirem lost,FATO : )

Deixe uma resposta

ss