FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruna Bottin

Grey's Anatomy: Going, Going, Gone

9ª temporada do drama médico estreou na semana passada, e trouxe mais desastre

[com spoilers do episódio 9×01]  O que está acontecendo com Shonda Rhimes? A criadora e roteirista da série foi tantas vezes elogiada por conseguir acrescentar fortes emoções em seus capítulos, mas algo foi perdido no meio do caminho entre tantas temporadas. Durante o ano passado, Grey’s Anatomy manteve um rumo certo, a construção da nova etapa da carreira dos principais residentes. Porém, no season finale resolveram mudar tudo com um grande acidente aéreo, que quebrou totalmente o ritmo. E em vez de deixar as tragédias fazendo parte do passado e recomeçar essa 9ª temporada arrumando a casa, a roteirista decidiu continuar com suas bizarrices.

Going, Going, Gone começa um mês após o terrível acidente. Agora Meredith Grey é a atendente carrasca, tirando o posto da Drª. Bailey. Ela fica conhecida entre os internos como Medusa, monstro da mitologia grega capaz de transformar as pessoas em pedra. Em compensação, se Grey ficou mais firme como médica, Bailey ficou mais molenga. Faz tempo que sua personagem não é mais a mesma, e neste primeiro capítulo tivemos apenas a confirmação de que ela vai continuar do mesmo jeito. Mas voltando às tragédias, Mark Sloan despediu-se da série com os aparelhos que mantinham o cirurgião plástico vivo desligados. Derek, por sua vez, ainda não está com sua mão totalmente recuperada, o que considerei bem desnecessário para o personagem, sem contar que não foi nada criativo. Quem não lembra quando a mão de Dr. Burke adormecia durante as cirurgias na terceira temporada? Shonda Rhimes reciclando situações… Pra piorar, Callie carrega o sofrimento de perder o pai de sua filha e ao mesmo tempo a rejeição de sua esposa Arizona, que não aceita o fato de ter tido sua perna amputada pela esposa por causa do acidente.

Agora me expliquem, qual era a necessidade de danificar tão seriamente seus personagens?  Me parece que a série perdeu seu rumo, sem saber lidar com as histórias e, para compensar, destroi tudo que foi construído. Agora só nos resta esperar que Shonda faça com que todos superem esses terríveis acontecimentos, não acabe com mais ninguém até o final da 9ª temporada e crie soluções menos desastrosas. Chega, né?


8 respostas para “Grey's Anatomy: Going, Going, Gone”

  1. L. disse:

    Shonda precisa parar de assistir os dvds de ER urgentemente. Pq esse lance da Arizona foi tão cara de pau! Ray manda beijos!

  2. Carolina disse:

    Chega de Grey’s Anatomy pra mim depois desse season premiere.

  3. Gabriel Costa disse:

    É uma pena ver o que Shonda Rhimes tem feito com Grey’s Anatomy, uma série que se saiu brilhantemente bem na maior parte do tempo. O primeiro episódio da nona não trouxe novidades, muito pelo contrário, veio cheio de repetições. A realidade dos novos internos, Meredith como nova Bailey, Derek com o mesmo draminha do Burke (que dessa vez não tem graça nenhuma de se ver) e os fins medíocres para os personagens. Boa parte dos rumos ridículos dos personagens também é culpa do elenco, que parece não ter a mesma paixão que os fãs têm pela obra da qual participam, e nem pelos personagens que interpretam. Como se não bastasse, dão falas ridículas como recadinhos para os fãs inconformados do tipo “as coisas morrem e não há nada que podemos fazer” (Callie e Owen disseram algo parecido nesse episódio). O que é que essa mulher quer, afinal? Antes terminasse a série enquanto estava em boa forma. Lamentável…

  4. concordo, Gabriel. Deveria ter acabado!

  5. Lílian disse:

    Não achei tão ruim assim não, todo mundo ficou ansioso com a final da última temporada e com o inicio dessa. Nem todo mundo que assiste uma série assiste outra… enfim, continuo gostando da série. Concordo que essa questão de acidentes tá meio exagerada mesmo, mas é uma série de drama, se tudo ficasse muito certinho ia ser meio chatinho. Fiquei triste com a saída de dois grandes personagens Lexie e Mark, mas já tivemos outros grandes personagens que saíram, isso acontece direto com séries que tem muitas temporadas…

  6. Ahnnn……. Quando vai estrear Emily Owens, M.D., mesmo?

  7. Concordo muito com seu texto Bruna. Foram anos pra construir uma boa história e a 8ª temporada estava num ritmo maravilhoso, tinha sim um jeito de prosseguir com a série sem ter que destruir tudo desse jeito. Fato é que ela se perdeu sim na hora de escrever as histórias, ou ate mesmo queria mais atenção da mídia e resolveu fazer isso. Uma pena! mesmo assim não paro de assistir Grey’s nunca, continuo mesmo se for pra falar mal.

  8. Amanda disse:

    A impressão que tenho é que para a criadora da série desgraça pouca é bobagem. Não gostei de ela ter matado Lexie e Sloan, mas pelo menos matou os dois pq seria muito triste ver Sloan chorando por Lexie. Agora a história da Callie e da Arizona é ridícula, ela acabou com o único casal mais maduro da série. Agora é esperar para ver os demais capítulos.

Deixe uma resposta

ss