FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruna Bottin

Damon Lindelof fala sobre o final de LOST pela última vez

Final de Breaking Bad fez um dos criadores de LOST dar adeus à discussão

damon-lindelofFoi em 23 de maio de 2010 que nos despedimos de Jack, Kate, Sawyer, Hugo, Claire e tantos outros passageiros do voo da Oceanic 815. A série acabou há três anos (leia aqui nosso especial), porém as discussões sobre como o criador Damond Lindelof conduziu o encerramento dessa trajetória continuam até hoje. Após o series finale de Breaking Bad no domingo passado (29/09), milhares de fãs foram mandar mensagens pelas redes sociais para Lindelof. A maioria dizia: “viu isso, Lindelof? É assim que se termina uma série!”. Foi então que o roteirista resolveu, de uma vez por todas, dar um basta nessa eterna cobrança sobre o final polêmico de LOST.

Em um artigo para o site norte-americano The Hollywood ReporterLindelof expressou como ele se sentiu ao assistir o final de Breaking Bad, e como isso o fez revisitar o final de sua própria série. Leia abaixo alguns trechos do artigo, que você pode conferir na íntegra (em inglês) aqui. Abaixo alguns trechos que destacamos:

Quanto melhor a série, mais ela te força a olhar para si mesmo. No dia do final de Breaking Bad eu refleti e me vi na segunda de manhã como Walter White. Arrogante, pretensioso e egoísta, procurando culpar outros por uma situação que causei.

Três anos depois, parece que não é necessário somente amar o final de Breaking Bad. Você também precisa odiar o nosso. Quero muito encontrar uma forma de acabar com tudo isso, mas não encontro. Existem muitos fãs que adoram o final de LOST. Mas quero fazer um pacto com você [que não gostou do final]. Essa é a sua parte: reconheça que  sei como você se sente. Eu entendi, ouvi e refletirei sobre seu descontentamento para sempre. O fim da série [como foi escrito] estará comigo até eu morrer, seja quando a câmera for lentamente se afastando por cima com cachorro ao meu lado ou com uma equipe policial chegando para testemunhar meu último suspiro.

Aqui vai a minha parte: finalmente vou parar de falar sobre isso. Não porque me sinto superior, mas porque sei que não serei capaz de mudar opiniões. Não sou eu que vou te convencer que eles não estavam mortos o tempo todo, nem te julgar ou me afligir porque você acredita nisso apesar de todas as declarações que prestei a respeito.

Estou convicto sobre o fim de LOST. Era a história que queria contar e nós a contamos. Sem mais desculpas. Tenho tudo na memória com carinho, assim como foi criar e desenvolver a série. Sempre me importarei com o que você pensa, não posso mais ser escravo disso. Eu gostei. Eu era bom no que fazia. E me sentia vivo.

Deixe uma resposta

ss