FOTO: REPRODUçãO

Por: Redação Ligado em Série

Aprender inglês com séries de TV: é possível?

teacher

Nem sempre é divertido iniciar os estudos em um novo idioma e normalmente é difícil saber por onde começar. Uma excelente maneira é fazer disso algo prazeroso, inserindo o aprendizado em atividades corriqueiras e que lhe tragam satisfação,  transformando seu cotidiano em um constante desafio.

Isso ocorre com a língua inglesa. Especialistas dizem que fãs de séries, por exemplo, certamente possuem uma vantagem por já possuírem um contato rotineiro com produções estrangeiras. Pedagogos informam que é possível aproveitar essa paixão para iniciar os seus estudos na nova língua ou aprimorá-los ainda mais.

Segundo a empresa Kaplan, provedora líder de educação no exterior: “Séries tendem a ser mais eficazes que os filmes para se aprender inglês, pois desenvolvem uma relação mais duradoura com o espectador. Frequentemente estas produções apresentam diversas cenas e diálogos comuns do dia-a-dia.” 

Experiência prévia

O leitor do Ligado em Série e tradutor juramentado Carlos Aguiar, contou ao site que começou a estudar inglês aos 12 anos e que logo ele foi adiantado de ano no cursinho por estar desenvolvendo suas habilidades“mais rápido” que os demais. Ele atribuiu essa melhora significativa ao fato de, à época, acompanhar rotineiramente séries na TV paga como Full House, Step by Step, que eram exibidas com áudio original e legendas. “Adquiri fluência com 15 anos e fiz do inglês o meu sustento após um curso no exterior”.

friends-destaque

Já Beatriz Dias, colunista do site, conta que começou a assistir séries com legendas enquanto estudava inglês no colégio. “Eu assistia a Friends no Sony, mas queria comprar os DVDs para tê-los. Como no início eles não eram vendidos no Brasil, decidi importar e, para minha surpresa, eles não tinham legendas em português. Pra não deixá-los encostados, aos poucos eu passei a rever os episódios que já conhecia sem o recurso da tradução. Dois anos depois me mudei para o Canadá em intercâmbio e, da minha turma, fui a que tive menos dificuldades de adaptação com a língua”, contou.

Contato permanente com o idioma

Especialistas da Kaplan corroboram esse entendimento: “Quando nos identificamos com um personagem, por exemplo, observamos como ele se comunica e quais são as frases e palavras mais usadas, aumentando significativamente nosso vocabulário. Em torno de 60% dos professores de inglês uIlizam trechos de séries como Mr. Bean, Friends e The Simpsons em sala de aula de acordo com um levantamento que fizemos com mais 500 professores de todo o mundo”.

bannersherlock

Sotaque

Há também diferenças em relação ao sotaque, já que o inglês é uma língua mundial. Séries como House of Cards, GleeTwo and a Half Men, The Big Bang Theory, The Walking Dead, Breaking Bad podem te ajudar a treinar com o sotaque norte-americano, mais coloquial, enquanto produções como LutherSherlockThe IT CrowdThe Office UK Doctor Who darão mais ênfase ao sotaque britânico, mais clássico.

Assistir sem legenda? Dá!

Após dedicação na aprendizagem, muitos fãs de séries e TV acabam conseguindo assistir às suas produções sem o recurso de dublagem e legendas em português. Já usou séries para aprender ou aprimorar vivência na língua inglesa? Conte sua experiência nos comentários abaixo!

No Twitter os leitores deixaram relatos:

Deixe uma resposta

ss