FOTO: REPRODUçãO

Por: Redação Ligado em Série

[Atualizado] Metrô de São Paulo nega censura de propaganda de The Walking Dead

twdqueda

[Atualizado com informações oficiais do Metrô de São Paulo] “Pelo menos aqui, governantes pagam pelo que fazem“. A frase é da peça publicitária que divulga o livro The Walking Dead sobre a fictícia queda do personagem Governador na história, também já retratada na terceira temporada da série da TV. Porém, de acordo com o Jornal O Globo, o anúncio teria sido vetado pela administração do metrô de São Paulo. Ao jornal, o diretor de marketing da editora Record disse que a administração considerou que as peças possuem conotação política e que, por isso, não foram aprovadas.

Em conta direto com o site, a diretoria de marketing do Metrô de São Paulo negou que houve censura da peça publicitária e que a adequação foi realizada para enquadrar-se nos regulamentos. Abaixo a íntegra da declaração da estatal:

A Companhia do Metrô esclarece que toda mensagem publicitária veiculada em suas dependências obedece ao Regulamento para Exploração de Mídias em Áreas e Equipamentos de Propriedade da Companhia do Metrô (REMÍDIA) e todos os anunciantes dos espaços têm pleno conhecimento deste regulamento, pois é a partir dele que se inicia o processo de credenciamento, etapa obrigatória para qualquer empresa pública quando vende mídia.

O Metrô afirma que foi reprovado única e exclusivamente o layout da peça publicitária do livro em questão (The Walking Dead – A queda do governador), por infringir o artigo 20, inciso I, do regulamento. Após readequação, a publicidade foi veiculada em estações entre os dias 01 de fevereiro e 02 de março de 2014.

O regulamento completo pode ser acessado no site da Companhia pelo endereço http://www.metro.sp.gov.br/busca/index.aspx?q=remidia.

Deixe um comentário

ss