quinta-feira, junho 6 2024

seinfeld

O Hulu, serviço de streaming online norte-americano, foi o vencedor do leilão que a Sony Television fez com os episódios das nove temporadas de Seinfeld. Oferecidos pela bagatela de um milhão de dólares por cada um dos 180 capítulos à Netflix, esta prontamente recusou a oferta por considerá-la cara demais. O valor vai pro bolso da Sony Television, Castle Rock Entertainment, Jerry Seinfeld e Larry David.

Ao contrário da gigante mundial do streaming, o Hulu é uma plataforma gratuita criada a partir da joint venture dos canais NBC e ABC em resposta à pirataria de episódio de séries nos EUA e exibe primordialmente conteúdo quente (recém-exibido na TV). A plataforma veicula na Internet, com comerciais, episódios de produções exibidas pelas principais emissoras abertas lá fora. Há a opção de uma assinatura premium com preço similar ao da Netflix, que permite ao usuário assistir aos capítulos em dispositivos conectados a TVs (como vídeo games e Apple TVs) e não somente no computador, mas também com propagandas.

O serviço não está disponível oficialmente no Brasil, o que significa que não teremos como acessar o catálogo de Seinfeld e não há mais a menor chance da série ser exibida na Netflix, já que o acordo da Sony com o Hulu é de exclusividade.

3 comments

  1. Seinfeld é uma série bem legal. Mas 180 milhões de dólares é muita grana. Prefiro que a Netflix gaste esse dinheiro produzindo conteúdo inédito. Outra série como Demolidor, Marco Polo ou House of Cards por exemplo!

  2. Que façam bom uso kkkk sempre achei Seinfeld bem overrated

  3. Exatamente! As series produzidas pelas Netflix são excelentes!

Deixe um comentário