FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruno Carvalho

Netflix diz não ter dívida de US$ 20 bilhões e apresenta números reais

Uma matéria do LA Times indicou que a Netflix tinha uma dívida líquida de mais de 20 bilhões de dólares, o que gerou certo burburinho, especialmente pelo fato da gigante do streaming continuar investindo muito em conteúdo original. O valor foi extraído pelo jornal a partir de uma leitura seca dos demonstrativos trimestrais da empresa, que os publica como parte de sua obrigação fiduciária com investidores e acionistas. A informação, contudo, foi deturpada e replicada sem critério por toda a Internet.

A empresa nega que o valor de sua dívida seja de US$ 20 bilhões e, através de nota, esclareceu:

“A matéria do LA Times calcula erroneamente nossa dívida com o valor de US$ 20 bilhões ao considerar nossas obrigações de transmissão (por exemplo, contratos de conteúdo com estúdios), no valor de US$ 15,7 bilhões, como parte dessa dívida, o que não procede. Temos uma dívida total bruta de US$ 4,8 bilhões versus o nosso valor no mercado de ações que é de US$ 75 bilhões. O LA Times já corrigiu a matéria.”

A Netflix ainda afirmou que os tais 15.7 bilhões de dólares referem-se a gastos futuros com conteúdos atualmente em produção e que é algo normal na forma em que canais de TV e estúdio fazem negócios. A empresa ainda cita os compromissos futuros da Disney/ABC/ESPN que chega a 50 bilhões de dólares.

Deixe um comentário

ss