FOTO: REPRODUçãO

Por: Allan Verissimo

Damon Lindelof defende a quinta temporada de Game of Thrones

damonlindelof

Durante uma entrevista à EW, o co-showrunner de LOST e The Leftovers, Damon Lindelof, fez uma apaixonada defesa da quinta temporada de Game of Thrones, que recebeu algumas críticas severas da crítica e dos fãs. Inicialmente, Lindelof revelou como ocorreu a sua iniciação com a série e os livros:

Eu amo Game of Thrones. Eu li os três primeiros livros, e eu estava terminando o terceiro livro quando a série estreou. E quando Ned morreu na primeira temporada, eu senti a sensação de superioridade dos leitores – “Eu sabia o que iria acontecer e mais ninguém sabia”. Mas essa sensação também se misturou com a inveja pelas pessoas que tiveram essa experiência pela primeira vez. Foi quando eu parei de ler os livros. O Livro 4 já tinha saído, e o 5 iria sair, e eu pensei: “Eu adoraria ter um momento na série que me surpreendesse genuinamente”. Eu sei que todos discutem na internet as alterações em relação aos livros, mas o material do Theon já estava além do Livro 3 para mim. Então [na quinta temporada eu estava] experimentando a série completamente e totalmente frio – e eu estava surpreso. Eu estava muito surpreso com várias coisas que aconteceu nessa temporada.  Como alguém que faz televisão, eu assisto essa série e não sei como que eles fazem isso. Eu apenas não entendo, em um nível logístico, como eles conseguem produzir um produto dessa qualidade com o tempo que eles tem, com tantas locações diferentes, e tantas partes diferentes“.

E assim como a crítica e a maioria dos fãs, Lindelof também concorda que o episódio 5×08 “Hardhome” foi o ponto alto da temporada: “Existem tramas com as quais eu estou mais investido do que outros? É claro. Isso sempre acontecerá quando seis ou sete coisas diferentes estão ocorrendo em um determinado momento. Mas como um contador de histórias, se você fizer uma, duas excelentes horas de televisão numa temporada de 8 ou 10 episódios – um excelente episódio, no final das contas – eu acho que o que as pessoas não percebem é que para você produzir esses excelentes episódios, tem que haver episódios que façam a construção. Também tem que ter os episódios que começam – embora essa não seja nunca a intenção do contador de histórias – a fazer o espectador desistir: “Eu não sei, eu não sei sobre isso…”. Isso faz os excelentes episódios ainda mais especiais. E enquanto eu estava assistindo “Hardhome”, eu só conseguia pensar: “Isso foi uma das horas de televisão mais excelentes que eu já assisti“.

The Leftovers retorna pela HBO em 4 de outubro. Game of Thrones retornará mundialmente em abril de 2016.

2 respostas para “Damon Lindelof defende a quinta temporada de Game of Thrones”

  1. Bruno Sousa disse:

    Faz sentindo ele defender. Os fãs de Lost são os novos fãs de Game of Thrones. Não podem ouvir críticas sobre o seriado que viram o capiroto.

  2. Elielson Thiago disse:

    Hahahah #morto

Deixe um comentário

ss