FOTO: REPRODUçãO

Por: André Costa

Previsões do Oscar 2015: os prováveis vencedores

boyhood

Lá vem mais um Oscar e, com ele, a chance de tentar adivinhar os vencedores, conseguindo através disso muito sucesso, mulheres, dinheiro, fama e uma vida melhor (se os palpites forem certos, claro). Todos sabemos que o Oscar não premia qualidade e que há uma certa previsibilidade na cerimônia, então é uma brincadeira divertida escolher os que parecem estar na frente do páreo e apostar uma grana preta em casas de aposta ilegais tomar uma cerveja com os amigos enquanto as convicções são reforçadas/derrubadas uma a uma. Só não coloquei os prêmios de curta-metragem (documentário, animação e live-action) porque não tive acesso a eles, e prever o vencedor seria meio que uma roleta russa. Assim, vamos lá:

Melhor Filme
Indicados: American Sniper, Birdman, Boyhood, Selma, The Grand Budapest Hotel, The Imitation Game, The Theory of Everything, Whiplash.
Quem deve vencer:  Boyhood. Não, espere. É. Ok. Boyhood.
Mas por que? Eu sei, eu sei, Birdman vem arrebatando muitos prêmios – levou o PGA, DGA e WGA -, mas Boyhood é uma produção mais doce, sensível, mais de acordo com o gosto da Academia (além do trabalho monumental de 12 anos, que certamente influencia). É por pouco, mas aposto em Boyhood.
Quem deveria vencer: Considero Birdman e The Grand Budapest Hotel as grandes belezuras dessa edição (e daria uma preferência muito pequena ao filme de Wes Anderson porque ele parece ligeiramente mais charmoso), mas Boyhood recebe a estatueta com merecimento também. Só espero que The Theory of Everything e The Imitation Game assistam de casa.
Quem venceu: Apostei no cavalo artístico errado. Birdman cortou as asinhas de Boyhood e saiu por cima. Merecia mais, também, então foi uma decisão acertada.

Melhor Diretor
Indicados: Alejandro Gonzáles Iñarritu (Birdman), Bennett Miller (Foxcatcher), Mortem Tyldum (The Imitation Game), Richard Linklater (Boyhood), Wes Anderson (The Grand Budapest Hotel)
Quem deve vencer: Richard Linklater.
Mas por que? Realizou um trabalho homérico em Boyhood, tipo de projeto que é ao mesmo tempo artístico e comercialmente viável, ou seja, não deve passar em branco. Além disso, a Academia não vai premiar dois mexicanos por dois anos seguidos (quem indica Amerian Sniper é patriota demais para isso).
Quem deveria vencer: Daria o prêmio para o Wes Anderson, mas gosto muito do trabalho de todos (com exeção do Tyldum). De repente premiar o Iñarritu incentivaria ele a não voltar para aquele estado de espírito niilista de onde sacou baboseiras como Babel e Biutiful.
Quem venceu: Iñarritu levou e agora o Oscar parece um bom cenário para uma continuação daquele filme A Day Without a Mexican.

Melhor Ator
Indicados: Benedict Cumberbatch (The Imitation Game), Bradley Cooper (American Sniper), Eddie Redmayne (The Theory of Everything), Michael Keaton (Birdman), Steve Carell (Foxcatcher)
Quem deve vencer: Eddie Redmayne
Mas por que? Papou o SAG e passou por transformações físicas no papel, o que é fundamental. Além disso, como The Theory of Everything não é do mesmo nível que Birdman, por exemplo, a atuação de Redmayne se destaca ainda mais.
Quem deveria vencer: Redmayne, Keaton e Carell estão sensacionais, e qualquer um é digno de levar a estatueta. Se Cooper ou Cumberbatch vencerem, não espero nada menos do que os esnobados Ralph Fiennes e David Oyelowo praticando atos de vandalismo na cerimônia.
Quem venceu: Redmayne levou e teve faniquitos. Pesa muito o lance da transformação física (desenvolvida para o papel, como no caso do Redmayne, e não por mal uso da estrutura corpórea, como no caso do Michael Keaton).

Melhor Atriz
Indicadas: Felicity Jones (The Theory of Everything), Julianne Moore (Still Alice), Marion Cottilard (Deux Jours, Une Nuit), Reese Whiterspoon (Wild) e Rosamund Pike (Gone Girl)
Quem deve vencer: Julianne Moore
Mas por que? A moça levou o SAG e concorre por um papel dramático, intenso, de superação, sofrimento etc, o que sempre pesa a favor.
Quem deveria vencer: Não vi Still Alice. Então, tirando a Moore da jogada, daria o prêmio para a atuação desconcertante da Rosamund Pike. Mas todas as indicadas estão bem.
Quem venceu: A Julianne Moore e talvez seja a única categoria em que ninguém reclamou da escolha.

julianne moore still alice

Melhor Ator Coadjuvante
Indicados: Edward Norton (Birdman), Ethan Hawke (Boyhood), Mark Ruffalo (Foxcatcher), J. K. Simmons (Whiplash) e Robert Duvall (The Judge)
Quem deve vencer: J. K. Simmons
Mas por que? O sujeito levou o SAG e o Critic’s Choice Awards e possui de longe a personagem mais destacada entre os indicados.
Quem deveria vencer: Eu realmente gosto muito do trabalho de todos – o único que fica um pouco abaixo da curva é Robert Duvall. Por mim podem decidir no dado (e como bonus de repente temos mais um episódio de Community).
Quem venceu: Conforme previsto por todas as pessoas do universo, J.K. Simmons levou por sua atuação monstruosa em J.K.Simmons – O Filme.

Melhor Atriz Coadjuvante
Indicadas: Emma Stone (Birdman), Keira Knightley (The Imitation Game), Laura Dern (Wild), Meryl Streep (Into the Woods), Patricia Arquette (Boyhood)
Quem deve vencer: Patricia Arquette
Mas por que? Chega ao Oscar trazendo o SAG e o Critic’s Choice Awards nas costas. Além disso, 12 anos filmando a coisa toda.
Quem deveria vencer: Não vi Into the Woods, então, não levando em conta a Meryl Streep, daria a estatueta para a sensibilidade de Arquette mesmo ou a inocência da Emma Stone.
Quem venceu: O Oscar da Patricia Arquette foi o único de Boyhood na noite e isso é pra deixar bem claro que mãe nunca erra.

Melhor Roteiro Original
Indicados: Birdman, Boyhood, Foxcatcher, Nightcrawler e The Grand Budapest Hotel
Quem deve vencer: Wes Anderson e Hugo Guiness por The Grand Budapest Hotel – mas pode ser que Iñarritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris Jr. e Armando Bo roubem o prêmio para dar a Birdman.
Mas por que? Por motivos de WGA (Birdman não estava concorrendo). E parece um prêmio para filmes um pouco mais “alternativos” (Her, Lost in Translation, Little Miss Sunshine), então acredito que Anderson e Guiness saiam vitoriosos – entretanto, como Birdman pode ficar sem as categorias principais, talvez a Academia embale o Oscar de roteiro e entregue ao filme.
Quem deveria vencer: The Grand Budapest Hotel. Mas, com exceção do roteiro ligeiramente problemático de Nightcrawler, todos são sensacionais.
Quem venceu: Birdman meteu o bico onde não foi chamado e surrupiou o prêmio de The Grand Budapest Hotel. Mas é um roteiraço também.

Melhor Roteiro Adaptado
Indicados: American Sniper, Inherent Vice, The Imitation Game, The Theory of Everything, Whiplash
Quem deve vencer: Graham Moore por The Imitation Game(?)
Mas por que? Porque levou o WGA e tem relação com a Segunda Guerra Mundial, acho. E também nenhum dos roteiros se destaca muito (não vi Inherent Vice ainda, então falo só dos outros).
Quem deveria vencer: Não sei. Inherent Vice (confiança no Paul Thomas Anderson é tudo que sobrou)? Achei uma categoria meio fraca. Ou então daria para Whiplash – dos indicados é o filme que mais gosto, apesar do roteiro meio bêbado.
Quem venceu: O Oscar que salvou a noite de The Imitation Game e ajudou a arruinar a noite do bom senso.

Melhor Animação
Indicados: Big Hero 6, How to Train Your Dragon 2, Song of the Sea, The Boxtrolls e The Tale of Princess Kaguya
Quem deve vencer: How to Train Your Dragon 2
Mas por que? Porque as vezes o mundo dá uns trancos para o lado certo. E a produção é sucesso de crítica e público em uma franquia onde o primeiro filme já havia sido sucesso de crítica e público, então é uma aposta segura.
Quem deveria vencer: Big Hero 6 e The Boxtrolls são bem divertidos, mas olham para cima quando falam com How to Train Your Dragon 2. Songs of the Sea e The Tales of Princess Kaguya ainda não vi.
Quem venceu: Big Hero 6 levou e, na sequência, todos os banheiros da Califórnia entupiram porque simplesmente não havia vazão para uma cagada desse tamanho.

how to train your dragon 2

Melhor Filme Estrangeiro
Indicados: Ida (Polônia), Leviathan (Rússia), Relatos Salvajes (Argentina), Mandariinid (Estônia) e Timbuktu (Mauritânia)
Quem deve vencer: Ida
Mas por que? Foi indicado em outra categoria – onde provavelmente não vai ganhar -, então é um lance meio dá lá toma cá. Não atrapalha também o filme ter uma microscópica relação com o Holocausto e coisas do gênero.
Quem deveria vencer: Não vi Timbuktu. Ida é visualmente lindo, mas estéril. Leviathan é pungente, uma obra intensa e bem construída. Só que as grandes pérolas são as personagens absurdamente cativantes de Mandariinid e o humor negro fatal de Relatos Salvajes – que merecia sim levar a estatueta (confesso que se o vencedor fosse Mandariinid também não ia me incomodar).
Quem venceu: O bonito mas chatinho Ida volta para a Polônia com a estatueta.

Melhor Documentário
Indicados: Citizenfour, Finding Vivian Maier, Last Days in Vietnam, The Salt of the Earth e Virunga
Quem deve vencer: Finding Vivian Maier. Acho que The Salt of the Earth também tem chances.
Mas por que? Finding Vivian Maier é uma história incrível e humana que se torna quase um estudo de personagem – e, mais importante, é um tema que não lança grandes discussões ou conflitos políticos, não ofende ninguém, enfim, é seguro.
Quem deveria vencer: Last Days in Vietnam e The Salt of the Earth eu não consegui ver. Dos outros eu escolheria o próprio Finding Vivian Maier, embora Citizenfour e Virunga também sejam excelentes.
Quem venceu: CitizenFour saiu vitorioso e deu uma desculpa para todos os sites de tecnologia falarem do Oscar.

Melhor Fotografia
Indicados: Emmanuel Lubezki (Birdman), Dick Pope (Mr. Turner), Łukasz Żal e Ryszard Lenczewski (Ida), Robert Yeoman (The Grand Budapest Hotel) e Roger Deakins (Unbroken)
Quem deve vencer: Emmanuel Lubezki
Mas por que? Eu não apostaria muito nele por já ter vencido ano passado, mas Birdman é quase uma utopia fotográfica. Roger Deakins é sempre excelente – entretanto, Unbroken (que não vi) passou meio batido por todo mundo, então não deve fazer frente. Talvez Robert Yeoman consiga fungar no cangote do mexicano.
Quem deveria vencer: Birdman (ou a Inesperada Virtude do Plano-Sequência)
Quem venceuLubezki venceu por Birdman e agora tem Oscars suficiente para brincar de bonequinho.

Melhor Figurino
Indicados: Anne B. Sheppard e Jane Clive (Maleficent), Colleen Atwood (Into the Woods), Jacqueline Durran (Mr. Turner), Mark Bridges (Inherent Vice), Milena Canonero (The Grand Budapest Hotel)
Quem deve vencer: The Grand Budapest Hotel
Mas por que? Parece colorido e de época o suficiente. Como o filme está disputando os prêmios principais e não vai vencer, há chances de ganhar aqui meio que como uma “consolação”. Além disso, ganhou no Critic’s Choice Awards.
Quem deveria vencer: Dos indicados eu só vi The Grand Budapest Hotel, então não tenho muita propriedade para escolher (embora os figurinos da produção de Wes Anderson sejam realmente brilhantes)
Quem venceu: Milena Canonero ganhou por The Grand Budapest Hotel, e a gente sabe que um prêmio de figurino é merecido quando uma das personagens do filme tem um bigode pintado a lápis.

Melhor Montagem
Indicados: Barney Pilling (The Grand Budapest Hotel), Joel Cox e Gary D. Roch (American Sniper), Sandra Adair (Boyhood), Tom Cross (Whiplash) e William Golendberg (The Imitation Game)
Quem deve vencer: Sandra Adair
Mas por que? Premiar o projeto que durou 12 anos e esse tipo de coisa – afinal, é uma montagem com elipses de um ano.
Quem deveria vencer: Gosto de todos os indicados (com exceção de The Imitation Game), mas meu prêmio iria para Whiplash.
Quem venceu: Whiplash sacou da cartola esse inesperado mas merecido prêmio, e não é verdade que J. K. Simmons olhou para o pessoal de Boyhood e seus 12 anos de produção e falou “you were dragging”.

Melhor Maquiagem
Indicados: Foxcatcher, Guardians of the Galaxy, The Grand Budapest Hotel
Quem deve vencer: Bill Corso e Dennis Liddiard, por Foxcatcher
Mas por que? É o trabalho mais “sério” dos três. E também o único que tem uma pegada mais realista, voltado para um filme dramaticamente muito intenso e com a necessidade de mudar completamente o rosto de um ator e ao mesmo tempo deixar espaço para a interpretação – que foi indicada ao Oscar, então…
Quem deveria vencer: Qualquer pessoa que consiga transformer o Michael Scott naquele ricaço demente e apaixonado por pássaros merece ganhar. Todos os indicados se puxaram, entretanto (e Guardians of the Galaxy levou o Critic’s Choice Awards, de repente surge como surpresa).
Quem venceu
: The Grand Budapest Hotel, mas, embora merecido, foi um daqueles prêmios entregues para tentar amenizar a derrota na categoria de roteiro (tipo quando alguém te paga uma cerveja e fala “então, preciso conversar sobre um lance…”).

foxcatcher

Melhor Trilha Original
Indicados: Alexandre Desplat (The Grand Budapest Hotel), Alexandre Desplat (The Imitation Game), Gary Yershon (Mr. Turner), Hans Zimmer (Interstellar) Jónah Jóhansson (The Theory of Everything)
Quem deve vencer: Difícil. Em CNTP eu iria de Jónah Jóhansson, mas Alexandre Desplat já perdeu tantas vezes que não sei se vão votar contra ele de novo e em dose dupla – até porque acredito que The Grand Budapest Hotel deve faturar esses prêmios “menores” para compensar a perda dos maiores. Ou seja: sei lá. A trilha de The Theory of Everything tem mais cara de Oscar, então vamos de Jóhansson e seja o que John Williams quiser.
Quem deveria vencer: A trilha de The Grand Budapest Hotel é parte essencial do filme. Se o prêmio fosse meu, entregaria para o menino Desplat (não vi Mr. Turner).
Quem venceuDesplat venceu pelo filme certo (The Grand Budapest Hotel) e todos se regozijaram e houve banquetes e celebrações.

Melhor Canção
Indicados: Everything is Awesome (The Lego Movie), Glory (Selma), Grateful (Beyond the Lights), I’m Not Gonna Miss You (Glen Campbell: I’ll Be Me) e Lost Stars (Begin Again)
Quem deve vencer: Não tenho nem ideia de como essa categoria funciona. Aposto em I’m Not Gonna Miss You por se tratar de uma figura importante da música em um momento difícil – talvez a Academia queira fazer uma “catarse”, uma espécie de homenagem ao cantor. Everything is Awesome também pode surgir porque desenho animado costuma ganhar e os votantes podem querer se redimir de não ter indicado a produção a Melhor Animação.
Quem deveria vencer: Meu voto iria para Everything is Awesome ou Glory.
Quem venceu: Glory. E, mesmo se não tivesse vencido na votação, após a descontrolada apresentação de Everything is Awesome e a fissão nuclear de lágrimas que foi a apresentação de Glory certamente receberia o prêmio de qualquer forma.

Melhor Design de Produção
Indicados: Interstellar, Into the Woods, Mr. Turner, The Grand Budapest Hotel e The Imitation Game
Quem deve vencer: Adam Stockhausen e Anna Pinnock por The Grand Budapest Hotel
Mas por que? Mais um prêmio técnico para Wes Anderson e cia levarem de consolação. De qualquer jeito, o mundo criado para o filme é tão peculiarmente charmoso e rico que não dá para dizer que não é merecido.
Quem deveria vencer: Não vi Mr. Turner nem Into the Woods. Tirando esses, Budapest assume a ponta com folga.
Quem venceu: Adam Stockhausen e Anna Pinnock por The Grand Budapest Hotel. Coloriu, levou.

Melhor Mixagem de Som
Indicados: American Sniper, Birdman, Interstellar, Unbroken, Whiplash
Quem deve vencer: John Reitz, Gregg Rudloff e Walt Martin por American Sniper
Mas por que? A tradição manda apostar no mais barulhento aqui – o problema é que Whiplash não só também é barulhento como é um filme sobre música, além de ser claramente superior. Mas como eles já tem a estátua do J. K. Simmons quase garantida, vou apostar no patriotismo ianque.
Quem deveria vencer: Eu iria de Whiplash. Nunca mais vou ouvir uma bateria do mesmo jeito depois de ter visto o filme.
Quem venceu: Whiplash. Provavelmente porque é mais  violento do que American Sniper.

Melhor Edição de Efeitos Sonoros
Indicados: American Sniper, Birdman, Interstellar, The Hobbit: The Battle of the Five Armies, Unbroken
Quem deve vencer: Alan Robert Murray e Bub Asman por American Sniper
Mas por que? Barulho, caos sonoro, patriotismo etc.
Quem deve vencer: Tudo bem, American Sniper faz jus ao prêmio. Mas eu ainda iria de Birdman só por aquela brilhante sequência de ação.
Quem venceu: Na mosca: American Sniper.

Melhores Efeitos Visuais
Indicados: Captain America: The Winter Soldier, Dawn of the Planet of the Apes, Guardians of the Galaxy, Interstellar, X-Men: Days of Future Past
Quem deve vencer: Paul Franklin, Andrew Lockley, Ian Hunter e Scott Fisher por Interstellar
Mas por que? Estou só assumindo que a Academia colocará o filme “sério” na frente dos blockbusters e/ou franquias.
Quem deveria vencer: Convenhamos, em termos de qualidade todos se equivalem. Eu partiria então para a criatividade e a megalomania, e como o filme do Nolan não teve pudor nenhum de atirar personagens no meio de equações não-lineares, ele levaria as batatas.
Quem venceu: O premiado foi Interstellar porque todo mundo que assistiu ao filme em Imax ainda vê aquele buraco de minhoca quando fecha os olhos.

Agora é só preparar as cervejas, os aperitivos, ficar ligado no grupo do Ligado em Série no Viber e torcer pelos filmes.

Deixe uma resposta

TOP.05
ss